sábado, 11 de agosto de 2012

Humanos na 5*Dimensão


Os humanos da nossa geração conhecerão a 5ª Dimensão? Convém diferenciar dois pontos essenciais, através dessa questão. Efetivamente, vocês todos aqui presentes viverão o que se chama de 5ª Dimensão, mas com um veículo, infelizmente, concebido para a 3ª Dimensão. Isso quer dizer que vocês viverão alguns dos aspectos da 5ª Dimensão, alguns dos aspectos do processo da ascensão, mas apenas as crianças que nascerem numa 5ª Dimensão, realmente atualizada, portarão, nelas, os corpos de 5ª Dimensão. Há numerosas diferenças entre um corpo de 3ª Dimensão e um corpo de 5ª Dimensão. Vou concentrar-me, obviamente, se há questões, no aspecto consciente e funcionamento da consciência e as diferenças destes entre a 3ª e a 5ª Dimensão. Mas há uma diferença essencial, também, no que concerne ao corpo. Quando eu falo de corpo, eu falo, obviamente, do aspecto biológico, do aspecto celular, do aspecto genético, mas, também, do aspecto forma, estrutura, mesmo, dessa forma. Assim, os corpos que vocês têm são, no momento, corpos de 3ª Dimensão, identificáveis às suas estruturas proteicas à base de núcleos de carbono, enquanto na 5ª Dimensão, as cadeias proteicas que os constituirão serão constituídas de silício, ou seja, a própria elasticidade e a plasticidade de seus corpos será profundamente diferente. Agora, no que concerne ao DNA, há mudanças de estruturas extremamente profundas, que sobrevirão para o corpo de 5ª Dimensão, que nascerão quando a 5ª Dimensão estiver atualizada e realmente presente. O seu DNA é, no momento, um DNA de duas fitas, que foi profundamente limitado pelas regras da encarnação, há 52.000 anos nessa dimensão de realidade a que vocês chamam de 3ª Dimensão. Nos corpos novos que nascerão na 5ª Dimensão, o DNA será constituído de seis pares de fitas, o que quer dizer que o seu DNA constitutivo será, novamente, multidimensional, e não mais limitado às três dimensões que vocês conhecem. Obviamente, certo número de estruturas, independentemente do silício, será totalmente diferente, e permitirá à sua conformação geométrica espacial apresentar algumas diferenças em relação àquelas que vocês têm hoje. Em especial, a extensão será a regra, no que concerne à raça humana, porque nós mesmos somos profundamente diferentes do que vocês veem todos os dias. Independentemente desse alongamento, a forma do crânio será profundamente diferente. A noção de articulação, tal como vocês a vivem através dos seus ossos será, ela também, profundamente diferente. Mas, no que concerne aos seus corpos, que vão fazer a transição, que são, hoje, de 3ª Dimensão, vocês terão a impressão de penetrar no que se poderia chamar uma névoa etérea, num fenômeno como algodão de Luz. Vocês aprenderão, sobretudo, com esse veículo de 3ª Dimensão, a funcionar diferentemente, ao nível da consciência. Na 5ª Dimensão, de fato, não há distância entre as consciências e não há separação entre as consciências, o que quer dizer que o mínimo dos seus pensamentos será captado, instantaneamente, pelo conjunto de células que coabitará com vocês. Eu entendo por ‘célula’ um corpo unificado de consciência, constituído de vinte e quatro entidades vivas. Obviamente, o que vocês chamam de laços familiares e de laços de consciência genética serão totalmente abolidos. Vocês aprenderão a viver numa família livremente constituída, de vinte e quatro Unidades indivisas, entretanto, coletivas. Pouco a pouco, vocês se aperceberão de que o que construíram através da linguagem falada não tem mais razão de ser – através da potência do pensamento e da instantaneidade deste, e da precisão deste – em relação às suas palavras e à sua linguagem. Portanto, nesse corpo, a linguagem existirá, ainda; o que não será mais o caso na próxima geração e para aqueles de vocês que terão o que se chamam filhos. Vocês se aperceberão de que eles já terão conformações geométricas espaciais e, também, funcionamentos de consciência totalmente diferentes. Entretanto, hoje, em sua 3ª Dimensão, a todos aqueles que o quiserem, a todos aqueles que o desejarem, a todos aqueles que se abrirem a isso, é possível viver as primícias dessa 5ª Dimensão. Essas primícias são constituídas por um funcionamento diferente, em especial, em relação às emoções. Tudo o que vive na 5ª Dimensão é totalmente desprovido de emoção, ou seja, o que os porá em movimento não será a emoção, o que vem de seus desejos e de seus instintos, mas o que vem, realmente, de suas concepções, de suaideação, de sua percepção e, absolutamente, não em relação a referências passadas, mas, unicamente, em relação, eu diria, a um fenômeno simbiótico da consciência coletiva unificada, através da família de vinte e quatro Unidades. E, obviamente, certo número de conceitos que fizeram parte do jogo da experiência da encarnação na 3ª Dimensão é chamado a desaparecer: todos os jogos de poderes, todos os jogos de dominações, todos os jogos de perseguições e suas consequências dramáticas ao nível da humanidade, porque vocês compreenderão, instantaneamente, a inutilidade de tal jogo, porque nada pode ser escondido na 5ª Dimensão, e tudo deve obedecer não a regras formais e escritas, tais como vocês o fizeram em seu sistema de civilização, mas a regras ditadas pelo próprio funcionamento da Luz. Não se esqueçam de que a 5ª Dimensão está em relação com um modelo supraluminoso, ou seja, que a velocidade da Luz é instantânea, ela não conhece a velocidade máxima que vocês atribuem a ela, com razão, em sua 3ª Dimensão. O pensamento desloca-se na velocidade da Luz supraluminosa, mas, também, a Luz conforma-se ao pensamento. Há, portanto, uma arquitetura, uma arquitetônica instaurada pelo pensamento que permite, de algum modo, a materialização direta em função do mecanismo de pensamento da Unidade indivisa de vinte e quatro consciências para dar forma, no sentido de criação, ao que o seu pensamento aspira e deseja no sentido da Lei de Um. Frequentemente foi-lhes feita referência da Lei de Um, ou seja, a lei da Unidade. A Lei da Unidade é, no momento, para vocês, dificilmente conceituável. Ela corresponde a um fenômeno unificado, um pouco como o que vocês denominam, sobre a Terra, «o campo causativo final» da física, ou seja, o ‘tempo zero’, o momento em que o tempo não existe mais. E, efetivamente, na 5ª Dimensão, mesmo se eu possa dizer que somos guardiões da Intraterra há 320.000 anos numa escala de tempo, isso, para nós, absolutamente, nada quer dizer, porque os três tempos – passado/presente/futuro – são integrados num mesmo tempo. Isso explica que as alternâncias que vocês conhecem na superfície (como as alternâncias dia/noite, como as alternâncias de emoções) serão, totalmente, dissolvidas na Luz da 5ª Dimensão. Mas retenham, efetivamente, entretanto, que, com os corpos que vocês têm, atualmente, vocês estarão ainda, até o fim dos seus dias, nessa vida, num fenômeno de transição que misturará, intimamente, processos de 3ª Dimensão e processos de 5ª Dimensão. Entretanto, ao nível da consciência, esta funcionará, total e inteiramente, de acordo com as regras da 5ª Dimensão. Não pode ser de outro modo. Uma consciência dividida, separada, presa à dualidade, não pode encontrar seu lugar na 5ª Dimensão. É isso que vocês devem, de algum modo, deixar, soltar, abandonar, despojar-se de tudo o que é dual em vocês e, sobretudo, ao nível da consciência. Mensagem do Irmão denominado INTRA-TERRA Tradução de Célia G via - http://filhosdoarquiteto.blogspot.com.br/ Filhos do Arquiteto ✡ http://filhosdoarquiteto.blogspot.com/